No começo de março o ator Tyler Hoechlin foi convidado por sua amiga e também atriz Zelda Williams a jogar ” The Legend of Zelda“.

Em seu Instagram a atriz postou uma foto dizendo que eles arrecadaram U$ 5,172.32 para instituição Brain & Behavior Research Foundation e agradeceu a todos os envolvidos nessa causa.

Tyler aparece a partir do minuto 03:43:56

 

Assista ao vídeo ao vivo de lvlupdojo em www.twitch.tv

Durante o festival de Berlim foi divulgado que a Produtora Voltage Pictures lançará o drama adolescente “Departures”. Confira abaixo, um pouco mais sobre o filme e o elenco que conta com Tyler Hoechlin, Nina Dobrev e Maisie Williams

A produtora Voltage Pictures irá integralmente financiar e co-produzir Departures”, um drama que conta a história de um adolescente com uma doença terminal que, com a ajuda de um amigo nerd, embarcará em uma divertida lista de coisas que deseja fazer antes de morrer.

Co-produzido com a BCDF Picures, o filme começará a sua produção em Nova Iorque, no dia 24 de abril, com direção de Peter Hutchings (“The Outskirts, “Rhymes with Banana) e roteiro escrito por Fergal Rock.

A produção fica por conta de Claude Dal Farra, Brice Dal Farra e Brian Keady representando a BCDF e Alissa Phillips pela Voltage. Voltage está a frente das vendas internacionais, enquanto que os direitos no território americano estão sendo gerenciados juntamente com a CAA.

O ator Asa Butterfield (“O Espaço Entre Nós”), juntamente com Maisie Williams (“Game of Thrones”) farão parte do elenco principal, que ainda conta com Nina Dobrev (“The Vampire Diaries”, “Flatliners”,) e Tyler Hoechlin (“Teen Wolf, “Cinquenta Tons de Liberdade”.)

Voltage está lançando o projeto como um conto doce e edificante, semelhante ao filme “A Culpa é das Estelas.” Dizem que houve uma resposta rápida e intensa dos compradores no Festival de Filmes Internacionais em Berlim.

“Fergal escreveu um bonito roteiro… Esse filme certamente irá repercutir entre o vasto público adolescente do mundo todo,” o responsável da Voltage disse, “O filme ‘Departures’ é um daqueles raros projetos em que é tanto comercial e complexo na forma com que lida com vários aspectos da nossa humanidade,’ disse Claude Dal Farra. na sua

BCDF Pictures é uma produtora de filmes com sede nas cidades de Nova Iorque, Los Angeles e França, que marcou sua estreia em 2011 com o filme “Em Busca da Fé”. Voltage já foi responsável por filmes que incluem “Guerra ao Terror” e “Clube de Compras Dallas”.

Fonte: Variety

Tradução e Adaptação: Equipe THBR

Ontem (02) aconteceu em Los Angeles a Premiere mundial do filme Cinquenta Tons Mais Escuros e segundo alguns fãs que já assistiram ao filme, comentou que o personagem de Tyler Hoechlin (Boyce Fox) é apenas mencionado no segundo filme da franquia.

De acordo com fãs do filme, o personagem de Tyler é apenas mencionado no livro, mas que seria adaptado uma participação no filme. Sendo assim, como vimos ano passado que o ator participou das gravações, sabemos que ele estará presente apenas no último filme na franquia intitulado Cinquenta Tons de Liberdade que será exibido apenas em 2018.

Segundo nossa seguidora Camila Dantas que também é fã da franquia Cinquenta Tons de Cinza e que leu os livros, comentou que o personagem de Tyler é um editor que trabalhou com Anastacia quando ela era assistente, e quando Christian Grey compra a editora em que ela trabalhou ela entra em contato com ele, mas que ele é apenas mencionado. Mas  segundo ela o personagem de Tyler no filme iria levar a editora a falência.

Não podemos confirmar a história do personagem no filme pois pouca coisa foi divulgada. Mais novidades iremos informar aqui no site!

Neste final de semana do dia 06 à 08 de Janeiro irá acontecer em Roma a Nemeton ItaCon Revolution. E no primeiro dia o ator Tyler Hoechlin compareceu em um painel solo, onde ele chegou um pouco atrasado e pediu desculpas aos fãs, pois comentou que sua vida anda corrida.

Confira o que rolou em seu painel;

  • Tyler comentou que está muito feliz com o caminho que o Derek percorreu.
  • O ator disse que acredita que o Peter (Ian Bohen) daria um ótimo vilão na DC.
  • Ele disse sentir falta de trabalhar em Teen Wolf e que sente muita falta do elenco.
  • Acidentalmente o ator Tyler Posey comentou que ele tinha conseguido o papel de Derek Hale. Hoechlin então ligou para seu agente para confirmar mas nem ele sabia ainda, ele deve que esperar ainda duas semanas para a confirmação.
  • Tyler disse que gostava de interpretar um lobisomem.
  • Peguntaram ao Tyler sobre a volta do Derek, e o ator apenas respondeu “Sinto Muito” . Ele disse que o personagem já teve sua história concluída, pois ele não tem mais o que ensinar ao Scott.
  • Sua primeira cena foi filmada com o Dylan O’Brien e Tyler Posey, e ele achou que teria que ficar encarando muito.
  • Pediram ao Tyler para escolher entre Derek e o Super-Homem, ele escolher o Super-Homem porque ele pode voar.
  • Tyler não tem novidades sobre o filme Stratton.
  • Talvez o Tyler faça um novo filme na Europa, mas ainda não está 100% confirmado.
  • Hoechlin comentou que seu maior sucesso é o amor do público.
  • Um conselho do Tyler: Seja persistente na vida e não tenha vergonha da sua história, porque é ela que você construiu

014~45.jpg 002~111.jpg 022~34.jpg 011~55.jpg

Tradução e Adaptação – Equipe THBR

Durante sessão de fotos, o ator Tyler Hoechlin deu uma entrevista e gravou um vídeo para a NY Observer. Breve iremos disponibilizar o vídeo legendado, mas enquanto isso você confere a matéria traduzida por nossa equipe;

Sentando-se com o último super-herói em “Supergirl

“Com ou sem óculos?” Tyler Hoechlin pergunta, sentando-se antes de começarmos a gravar o vídeo.

Quando você está interpretando o Super-Homem, a escolha sobre usar ou não óculos é, sem sombra de dúvidas, algo que você já está profundamente ciente. Tem um pouco de clarão vindo da janela, refletindo nas lentes, então os óculos saem de cena e Hoechlin passa a ser menos “Clark Kent” e mais “Homem de Aço”.

“Essa foi uma das raras vezes em que não houve teste de elenco,” Hoechlin (pronuncia-se Heck-lin) disse sobre o seu papel em Supergirl, como o primo famoso de Kara. “Eu tive uma reunião com os produtores e o criador, e apenas me falaram que era sobre Supergirl, mas sem entrar em detalhes, então, quando eu cheguei lá, eles mencionaram que estariam introduzindo o Super-Homem na série e me perguntaram se eu tinha interesse em falar sobre isso. Nós tivemos uma ótima conversa sobre o personagem – o que achávamos interessante sobre ele, diferentes temas que queríamos explorar com o personagem (se fizéssemos isso) e eu acho que estávamos na mesma página. Foi em uma segunda-feira, e na sexta-feira, nós recebemos a ligação recebendo a proposta, foi isso.”

Com certeza, pesquisar sobre o Super-Homem é um pré-requisito para interpretá-lo. Cabelo escuro? Queixo definido? Olhos azuis-esverdeados?  Bíceps de um jornalista menos profissional? Sim, sim, sim, sim. Até a barba de Hoechlin (que ele precisa tirar duas vezes por dia para convencer no papel do escudeiro protetor de Metrópolis), algo que iria distinguir o ator do personagem, apenas contribui para o estilo másculo que define o Super-Homem.

“Eu não era fã de quadrinhos na infância,” Hoechlin confessou. “Eu era um fã dos personagens, mas, em relação aos quadrinhos, eu não sabia nada quando criança.”

Eu finjo surpresa.

“Eu joguei beisebol na liga desde os meus nove anos de idade, todos os finais de semana. Eu acho que, quando tinha doze anos, em um ano nós jogamos cento e noventa jogos, então, na verdade, nós ultrapassamos o limite de jogos da liga principal. Ou eu estava no set fazendo testes de elenco, lendo um roteiro ou no campo de beisebol. E na escola,” ele adiciona, sorrindo. “A escola estava por ali também.”

Hoechlin, que também interpretou Derek Hale em Teen Wolf, parece o garoto por quem você costumava ter uma quedinha no ensino médio, aquele que era a estrela do time de esporte mais importante da sua região, que namorava a garota mais popular da escola, mas ainda era legal com você. Ele parece o tipo de cara que realmente ficaria feliz se você o ajudasse com as respostas do dever de casa.

No filme de março, Batman vs. Superman, um exaustivo exercício em tons de sépia e flashbacks, teve Henry Cavill no papel principal alternando entre o pensativo e o raivosamente pensativo. Uma crítica de um site americano descreveu o ator de Homem de Aço:  “Cavil – cuja performance envolve mais poses do que atuação – é, alternativamente, apresentado como um messias alienígena, uma superarma e uma bandeira americana balançando contra o vento: a única coisa que ele não consegue ser é um personagem.”

Parece que o Super-Homem necessário era o da CW – e do Hoechlin.

O Super-Homem de Hoechlin é – será que devo me atrever a dizer? – divertido. Ele interpreta Clark Kent com a quantidade certa de atrapalhação – um alívio cômico que nunca ameaça atingir a um nível de besteirol. E seu Super-Homem é sério, porém com evidências de personalidade, carisma, sem nunca parecer um modelo de um comercial de perfume com a temática de super-herói.

Na primeira temporada de Supergirl, o Super-Homem era muito ausente, aparecendo mais frequentemente sob o nome de “Clark” e por meio de mensagens de texto à Kara, oferendo encorajamento em momentos oportunos.

Em raras ocasiões, ele apareceu em carne e osso, grande parte de costas, sempre com um brilho no rosto atuando como um espaço vazio que poderia muito bem ser lido, “INSIRA UM ATOR AQUI.” O seu papel na história de Kara foi simbólico, não substancial.

Porém, no começo da segunda temporada, tivemos a oportunidade de conhecê-lo pela primeira vez, e Hoechlin teve a oportunidade de transformar o Super-Homem em seu próprio personagem, não apenas como uma nota de rodapé na história de Kara.

“O Super-Homem já existe naquele contexto há um bom tempo,” Hoechlin fala sobre o seu arco em Supergirl. “Essa não é uma história original, então ele sabe o que faz. Chegar ali e trabalhar com Kara é uma nova dinâmica, algo que ele ainda está se ajustando: trabalhar em equipe e ter alguém que está na mesma página que ele.”

Depois de dois episódios lutando juntamente com a sua prima, Super-Homem sentiu que era o momento de deixar National City para voltar a Lois Lane e ao seu trabalho no Daily Planet. Não existe nenhum anúncio oficial sobre a possível volta de Hoechlin em Supergirl.

No entanto, todos nós sabemos que no planeta dele o símbolo “S” significa “esperança”. Vamos nos confortar com isso, enquanto esperamos para sabermos se veremos o Super-Homem de Hoechlin novamente.

galeriaa

201620-0001.png 201620-0002.jpg 201620-0005.jpg 201620-0003.jpg

Fonte: Observer

Tradução e Adaptação – Equipe THBR

Novo filme com Tyler Hoechlin intitulado The Domestics está cada vez mais próximo de ser realizado. O filme será filmado na cidade de Nova Orleães no estado da Louisiana.

Saiba mais sobre o filme que ainda não tem data de lançamento;

Produtores do novo filme de terror psicológico da MGM, The Domestics, já apresentaram a documentação sinalizando às suas intenções de filmar em Louisiana. Segundo informações, o filme tem orçamento estimado em U$ 10.6 milhões de dólares, com um investimento de U$ 8.6 no próprio estado americano, incluindo U$ 4.3 milhões em 458 empregos temporários no estado.

A produção, localizada em New Orleans, marcará a estreia como diretor do experiente editor de som, Mike P. Nelson (Diners, Drive-Ins and Dives), que escreveu o roteiro do filme com Wenonah Wilms.

Ambientado em um futuro pós-apocalipse, o filme contará a história de um jovem casal que tenta sobreviver no desértico meio-oeste americano, através de um caminho desordenado e sem lei, comandando por gangues. Kate Bosworth (Sob o Domínio do Medo) e Tyler Hoechlin (Supergirl) irão estrelar. Além do ator local, Lance E. Nichols, de acordo com a listagem feita pelo IMDB.

De acordo com a documentação do filme, a sua pré-produção já está em andamento.

Ainda não foi anunciada a data de estreia para The Domestics. O filme irá se juntar à outras produções que estão sendo filmadas atualmente em Louisiana, incluindo o filme de terror Half to Death, a sequência musical Pure Country 3, a nova versão do drama O Estranho que Nós Amamos e o filme Benji.

Fonte: Nola.com

Tradução e Adaptação – Equipe THBR